LER É UM PASSO PARA CRESCER!
RSS

sexta-feira, 28 de maio de 2010

AVENTURA DA FORMIGA TITA ( Capítulo IX)

     ‒ Venham comigo até ao quartel dos bombeiros da aldeia dos gafanhotos onde eu trabalho. Vou pedir ajuda aos meus colegas bombeiros. Todos juntos vamos à procura da vossa filha.
     O bombeiro Tomé, também estava preocupado com o desaparecimento da formiga Tita. Ela era muito pequenina para andar sozinha por sítios desconhecidos. Era perigoso. Podia acontecer-lhe alguma coisa!
     Já no quartel, o Tomé reuniu todos os colegas bombeiros e alguns habitantes da aldeia. Os pais da Tita, contaram o que se tinha passado com a filha. Todos os presentes concordaram em ajudar a procurá-la.
     ‒ Muito obrigado. - Disse o pai.
     ‒ Estou muito contente por poder contar com a vossa colaboração! - Exclamou a mãe.
     Para facilitar as buscas o bombeiro Tomé organizou vários grupos. Cada grupo ia procurar a formiga Tita num local diferente. Vieram bombeiros de corporações vizinhas ajudar.
     Depois de estar tudo preparado, saíram em busca da formiga desaparecida.
Enquanto isso, a Tita continuava a andar sem rumo certo. Não sabia onde estava nem para onde ia. Andava perdida! Ela só pensava no dia em que iria reencontrar a sua família. Passou por muitas povoações mas nenhuma era a sua aldeia natal. Numa das aldeias por onde andou, conheceu a borboleta Lulu. A Lulu era uma borboleta muito bonita, tinhas as asas grandes e coloridas.
     Ela teve pena da formiga Tita e ofereceu-se para continuar a viagem com ela:
     ‒ Vou contigo, quero ajudar-te a encontrar os teus pais. - Disse a Lulu.
     ‒ Queres mesmo vir comigo? Vais deixar a tua aldeia? - Perguntou a Tita.
     ‒ Sim, vou contigo! Juntas vamos encontrar os teus pais!
     E assim foi. A formiga Tita saltou para as asas da borboleta e lá foram as duas à procura da família de Tita…


EB1 de Miragaia 2
Turma 1º/2º  ano

1 comentários:

Anónimo disse...

Mas que grande ideia!!! Uma formiga nas asas de uma borboleta!!!
Boa....................
Rita

Publicar um comentário