LER É UM PASSO PARA CRESCER!
RSS

segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

O BURRITO LUTADOR ( Capítulo V )

     … é o dono da quinta, chamado Sr. Jeremias. É muito mau, ganancioso e egocêntrico. Só pensa em si próprio e não respeita os animais da sua quinta. - murmurou o Bigodes ao burrito Caramelo.
     O Sr. Jeremias aproximou-se apressadamente com ar muito furioso e com voz autoritária disse:
     - Quem são vocês? O que fazem na minha quinta? E tu Bigodes, não sabes que estás proibido de falar com desconhecidos?!
     Caramelo e Mico como eram dois amigos muito perspicazes e faladores, nem deram oportunidade para o Bigodes responder…
     - Somos bons amigos e andamos a conhecer novas terras. - responderam receosos os dois em coro. -Estamos apenas de passagem, observamos ao longe que existia uma quinta muito grande, bonita, repleta de animais e colorida por causa dos alimentos que aqui existem. Como estávamos cheios de fome decidimos dar uma espreitadela a esta maravilhosa quinta com gente muito generosa.
     -Na minha quinta se querem comer têm de trabalhar! Esta é a altura das colheitas e precisamos de ajuda para as fazer. Tu, burrito, podes ser muito útil, podes puxar as carruagens carregadas de alimentos: abóboras, cenouras, milho, batatas, centeio, alfaces, couves,… Temos muito para fazer!
     Com tanta fome que sentiam, o Caramelo e o Mico não tiveram outra alternativa senão concordar! Caso contrário, morreriam de fome!
     -Sim, concordo com a sua proposta mas em troca tem que alimentar todos os animais da quinta, tratar todos eles com o respeito que eles merecem e arranjar um cantinho confortável para descansarem. Sem essas condições os animais não terão força e nem energia para fazerem um bom trabalho. – Disse o   Caramelo, com voz doce, tentando convencer o dono rabugento da quinta a mudar de atitude em relação aos seus animais…
     O Sr. Jeremias como precisava de ajuda para as colheitas foi obrigado a concordar, ainda que contrariado!
     Os dias foram passando, e tudo corria conforme o combinado.
     O dono da quinta sentia-se cada vez mais satisfeito e percebeu que tratando bem dos animais a vida na quinta correria cada vez melhor.
     A atitude do Sr. Jeremias tinha mudado e todos na quinta se sentiam mais fortes, felizes e confortáveis. Existia um clima amigável e harmonioso entre todos, viviam agora num verdadeiro clima familiar.
     Caramelo e Mico sentiram-se muito felizes por terem ajudado o Sr Jeremias e os todos os seus amigos animais, …


  Trabalho realizado pelos alunos do 4.º ano da EB1 de Cans.

Ilustrações de Carla Coelho 4º 7C e  Paulo Jorge 4º 6C

3 comentários:

Anónimo disse...

Boa história...
Continuem assim.

Anónimo disse...

Que lindo desenho gostei especialmente do desenho do Paulo Jorge 4º 6C, acho que este miudo tem bastante talento... Paulo continua assim espero ver aqui mais desenhos teus...

Anónimo disse...

E OS MEUS ASS. LUIS

Publicar um comentário